Polímero descoberto pode levar plásticos a serem reciclados ‘infinitamente’

May 6, 2020

Plásticos são de longa duração, conveniente, barato e terrível para o meio ambiente. Embora a
reciclagem reduza esse impacto, a maioria dos plásticos só pode ser reciclado algumas vezes.


Agora, químicos da Colorado State University descobriram um novo polímero que pode ser
reciclado infinitamente sem procedimentos intensivos em um laboratório ou usando produtos
químicos tóxicos.


O polímero infinitamente reciclável é forte, resistente ao calor e leve. Sua descoberta marca
um passo importante para materiais que são sustentáveis e livre de resíduos, de acordo com a
Colorado State University – e poderia competir com plásticos poluentes no futuro.


Os polímeros são caracterizados por cadeias de moléculas quimicamente ligadas, chamadas de
monômeros.


A universidade disse nesta nova pesquisa, que se baseia em um polímero quimicamente
reciclável demonstrado pelo laboratório do professor de química Eugene Chen em 2015, um
monômero pode ser polimerizado em condições ambiente: “livre de solvente, à temperatura
ambiente, com apenas alguns minutos de tempo de reação e apenas uma quantidade vestigial
de catalisador. “O material criado neste processo possui propriedades mecânicas que fazem
muito bem como um plástico”. Completa o professor.


Com esta descoberta, publicada esta semana na revista Ciência, os cientistas preveem um
futuro com plásticos verdes que podem ser “simplesmente colocados em um reator e, em
linguagem química, recuperar seu valor polimerizado, o que não é possível para os plásticos de
hoje.


”Isso traria o material de volta ao seu ponto de partida química, para que pudesse ser utilizado
de novo, e de novo e de novo. Chen disse no comunicado, “Os polímeros podem ser
quimicamente reciclados e reutilizados, em princípio, infinitamente.”


Qual é o próximo passo para a equipe? Chen enfatizou que esta tecnologia de polímero foi
apenas demonstrada na escala de laboratório acadêmico, e mais pesquisas são necessárias
para aperfeiçoar os processos de patente pendente de monômero e produção de polímero.
Os químicos têm uma doação da CSU Ventures, e Chen disse: “Seria o nosso sonho ver esta
tecnologia de polímeros quimicamente reciclável materializar no mercado.”

 

Texto: Ademilson Ramos
Foto: Divulgação
Site: https://engenhariae.com.br/tecnologia/polimero-descoberto-pode-levar-plasticos-a-
serem-reciclados-infinitamente1

 

Share on Facebook
Please reload

Posts Em Destaque

Presidente da AEAS participa de reunião do Colégio de Entidades Regionais

October 15, 2019

1/4
Please reload

Posts Recentes