AEAS integra comitê de Educação do CREA-SP

May 3, 2019

 

Objetivo é proporcionar aos profissionais estudos aprofundados para melhoria da classe.

 

A AEAS (Associação dos Engenheiros e Arquitetos de Sumaré) passou a integrar o comitê de Educação, Ética e Exercício Profissional do CDER-SP (Colégio de Entidades Regionais) do CREA-SP (Conselho Regional de Agronomia e Engenharia do Estado de São Paulo). A entidade será representada no comitê por seu presidente, o engenheiro civil José António Picelli Gonçalves, que foi nomeado para a função na última semana, em São Paulo, em evento que contou com a participação de representantes de associações de classe de outras cidades do Estado.

 

Formado pelas entidades municipais, intermunicipais e estaduais, o CDER é um fórum consultivo do CREA-SP que discute assuntos de interesses das profissões jurisdicionadas e propõe projetos de interesse geral das profissões, além de políticas de formação, especialização e atualização de conhecimentos.0

 

Ao todo, o CDER nomeou representantes para 19 comitês das mais variadas áreas com o intuito de proporcionar aos profissionais estudos para melhoria da classe.

 

O Comitê de Educação, Ética e Exercício Profissional contará com participação de oito profissionais. “É uma maneira de darmos nossa contribuição, discutindo assuntos de relevância para a sociedade e propondo ações que podem melhorar nossa atuação em nossas cidades”, afirmou Gonçalves.

 

Presidente do CREA-SP, o engenheiro Vinicius Marchese Marinelli destacou a importância dos comitês. “Só consigo expandir a atuação do Crea-SP, para além do nosso corpo colaborativo, por meio das Entidades de Classe. Todo esse trabalho que já vem sendo desenvolvido precisa ser elevado a um novo patamar, em que o atendimento aos profissionais seja cada vez melhor”, disse.

 

Além de Gonçalves, o Comitê de Educação, Ética e Exercício Profissional contará com participação dos engenheiros Pérsio Dario Reale (Ubatuba), José Ariovaldo dos Santos (Santa Fé do Sul), Luiz Carlos Cambiaghi Zanella (Araraquara), Henrique de Campos Neto (Socorro), Nelson José Mostaço (Itatiba), Elder Luis de Almeida (Conchal) e Onório Norio Kobayashi (Santa Fé do Sul).

 

Além do Comitê de Educação, foram criados também os comitês de Ciência, Tecnologia e Inovação, de Desenvolvimento Paulista, de Legislação Profissional, de Organização e Estruturação, da Frente Parlamentar, da Lei de Caderneta de Obra, da Lei de Inspeção Predial, de Acessibilidade, de Apoio à Fiscalização do Crea-SP, de Assistência Técnica Gratuita, de Combate e Prevenção de Incêndio , de Comunicação e Publicidade, de Controle e Sustentabilidade das Entidades, de Convênios, Parcerias, Cursos e Palestras, de Integração Municipal – Executivo e Legislativo, de Manutenção Predial, de Meio Ambiente e Sustentabilidade, de Proteção e Defesa Civil.

 

 

PALESTRAS

Durante reunião no CDER –SP também foram ministradas palestras da Fundacentro sobre novas tecnologias e sua influência nas condições de trabalho. A programação contou com participação dos engenheiros Mamede Abou Dehn Junior e Renato Archanjo de Castro, respectivamente coordenador e coordenador adjunto do CDER-SP.

 

A doutora em química Arline Sydneia Abel Arcuri e o filósofo Jorge Marques Pontes, ambos pesquisadores da Fundacentro nas áreas de Higiene do Trabalho e Saúde Pública, ministraram palestra sobre “Nanotecnologia: novas tecnologias, impactos e precarização do trabalho”.

 

Share on Facebook
Please reload

Posts Em Destaque

Presidente da AEAS participa de reunião do Colégio de Entidades Regionais

October 15, 2019

1/4
Please reload

Posts Recentes

December 6, 2019

Please reload

Arquivo